Tradutor

domingo, 15 de novembro de 2009

Benefícios da água do mar



Já na Antiguidade os poderes da água do mar eram bem conhecidos e usados tanto para fins estéticos, como fonte de bem estar. No Ocidente, porém, só na época em que se travou a Primeira Guerra Mundial os banhos de mar deixaram de estar reservados quase exclusivamente à aristocracia e as praias começaram a ser encaradas como locais de cura descanso e relaxamento.
A água do mar contém mais de oitenta elementos químicos. O cálcio, o zinco, o silício e o magnésio, são usados para tratar de doenças como a artrite, a osteoporose e o reumatismo. Estes elementos e outros como potássio, ferro, brometo, iodo e cloreto de sódio, entram nas camadas profundas dos nossos capilares e espalham- se por todo o corpo, eliminando toxinas e melhorando o nosso sistema de defesa. Já o sal marinho possui propriedades cicatrizantes e anti-sépticas. Além disso, as ondas do mar são verdadeiras sessões de massagem, pois estimulam a circulação sanguínea e, por consequência, provocam um aumento de oxigenação das células. A água marinha, pode ainda ser considerada energizante aliviando as tensões musculares.
Não nos podemos esquecer da brisa marinha tão vantajosa no combate à fadiga e na convalescença dos doentes.

1 comentário:

  1. BOm artigo... vamos acabar com as vergonhas e tabus. toca a despir.

    ResponderEliminar